Aguarde, por favor...

Protocolos de Tratamento

PROTOCOLO DE SÍNDROME DE FOURNIER


DEFINIÇÃO

É a fasciíte necrosante do períneo e genitais caracterizada por extensa necrose de pele, tecido subcutâneo, fácia superficial, com concomitante trombose de micro circulação.

CONDIÇÃO ASSOCIADAS

  • Diabetes mellitus (20- 40%)
  • Etilismo (35%)
  • Trauma
  • Idade avançada
  • Má nutrição
  • Radioterapia
  • Outros-Insuficiência renal crônica, Insuficiência Vascular periférica, Insuficiência coronariana e cirrose
  • Má higiene

BACTERIOLOGIA

  • Etiologia multibactericida – 80%
  • Agente único – 12%
  • Culturas estéreis – 8%
  • Bacteróides – 52%
  • E. coli – 45%
  • Proteus – 18%
  • Clostridiun – 12%

PATOGENESE


  • Infecção multibacteria na região ano-retal ou urogenital
  • Disseminação obedecendo a plano das facias superficiais
  • Trombose de artérias e arteoríolas
  • Necrose extensa de pele e subcutâneo e facia superficial


DIAGNÓSTICO

Quadro clínico:

  • Dor súbita- 100%
  • Sinais flogísticos – 100%
  • Gangrena de períneo
  • Sinais de toxemia


Bacteriologia:

  • Geralmente infecção múltipla

TRATAMENTO

  • Desbridamento sempre que necessário
  • Antibióticoterapia
  • Curativos

INDICAÇÕES

OXIGENOTERAPIA HIPERBÁRICA


Pressão de 2,5 ATA


Tempo de 90 a 120 minutos, conforme câmara monoplace ou multiplace


10 a 30 sessões em 95% dos casos


Continuar OHB até condições de enxertia



OUTROS PROTOCOLOS




logo-cmmh copy

Conforto e segurança para o seu paciente, tranquilade e confiança para você. Pioneiros em Oxigenoterapia Hiperbárica em Minas Gerais, com 16 anos de atividade, o Centro Mineiro de Medicina Hiperbárica oferece um trabalho de excelência e referência.

Centro Mineiro de Medicina HIperbárica, 2017. Todos os direitos reservados.